HORA CERTA

quarta-feira, 25 de março de 2020

Há 24 anos Lago da Pedra perdia o deputado estadual Waldir Filho, vítima de um acidente aéreo



A data de 25 de março de 1996 é lembrada pelas mortes de três deputados Maranhenses, Waldir Filho (Lago da Pedra), Jean Carvalho (Presidente Dutra) e João Silva (Pindaré Mirim). hoje faz 24 anos da tragédia que deixou todo o Maranhão em estado de comoção com as mortes dos deputados e do piloto. Todos os deputados eram do PFL, atual DEM.
A aeronave decolou em São Luís por volta das 15 horas. Na época, ficara acertado que, durante cinco dias, a cidade de Imperatriz seria transformada em sede simbólica do Governo do Estado e da Assembleia Legislativa.
Os deputados deveriam realizar quatro sessões plenárias, no prédio da Câmara de Vereadores de Imperatriz. Esta seria uma agenda vinculada a uma das etapas do governo itinerante da governadora Roseana Sarney. O então presidente da Assembleia, deputado Manoel Ribeiro, já estava no Plenário da Câmara de Imperatriz, quando foi alertado por um de seus assessores mais próximos: “A aeronave, o avião do Joãozinho não chegou”.

Os destroços do avião foram encontrados no Povoado Tranqueiras, município de Monção a 141 quilômetros de Cajari.

Às 13 horas do dia 26 de março, os corpos mutilados dos três deputados e do piloto Antonio Vasquez foram resgatados. A tragédia comoveu o Maranhão. 

A cidade de Lago da Pedra e região ficaram todos consternados com a morte do saudoso Waldir Filho.

BLOG DO ADONIAS SOARES E PORTAL PINDARÉ.

Nenhum comentário:

Postar um comentário