HORA CERTA

sexta-feira, 21 de outubro de 2016

Jair do Jarro processou Junior do Nenzin e correligionários


O Sr. Jair de Sousa Pimentel, o popular Jair do Jarro, deu entrada no mês passado, em um processo judicial, com pedido de indenização contra a coligação de Junior do Nenzin e seus correligionários.

O motivo seria o absurdo Jingle Político (música de política) que ofendeu a moral de Jair, além de ofender também a moral de sua esposa.
O Jingle circulou em toda a cidade de Barra do Corda e interior durante quase toda a campanha política de Junior do Nenzin, além disso, o jingle teve ramificações em várias cidades circunvizinhas.

No desfecho do processo em questão, Jair deve receber uma indenização no valor de até 50 mil reais por danos morais e outros crimes ao qual os réus podrão ser enquadrados.

Nos processos estão inclusos:

Jair de Sousa Pimentel (Jair do Jarro - processante)
Junior do Nenzin (candidato a prefeito, segundo colocado)
Jaine Milhomem (vice de Junior do Nenzin)
Antonio Morais Silva Filho (coordenador de campanha de Junior do Nenzin)




Jornal da Mídia da Barra

Nenhum comentário:

Postar um comentário