HORA CERTA

terça-feira, 4 de fevereiro de 2014

Luís da Amovelar: “Luís Fernando é um avião da VASP”

Na semana passada, o ex-prefeito de Coroatá, Luís da Amovelar, definiu a candidatura de Luís Fernando como um avião da VASP: pesado, não voa e pertence a uma empresa falida.
luis da amovelar Luís Fernando é um avião da VASP, diz ex prefeitoDe fato, a “empresa” (grupo Sarney) que está lançando o produto Luís Fernando está falida, como os indicadores sociais do Maranhão demonstram. Com a crise na segurança pública, que continua gravíssima com mais de 80 assassinatos em São Luís no mês de janeiro, a “empresa” confirma que está prestes a fechar as portas.
Os números das pesquisas mostram que esse avião não voa, apesar do imenso esforço dos pilotos Roseana Sarney e Jorge Murad. Na verdade, há muito tempo que não se via tanto empenho do grupo Sarney em favor de um candidato. Luís Fernando virou o “governador de fato” há mais de dois anos. Ele comanda o governo e inaugura tudo, até folha de papel, pedra fundamental, o que aparecer.
O que se vê, contudo, são plateias pequenas e desanimadas, com um candidato sem carisma e sem conteúdo. Recentemente, em Lago da Pedra, foi preciso contratar banda de forró para reunir gente e tentar enganar as pessoas.
Isso tudo movido a mais de R$ 300 milhões torrados em “convênios” e voos intermináveis em helicópteros pagos com dinheiro público, num festival de abusos inacreditáveis, enquanto o Ministério Público assiste a tudo sem agir.
A estas alturas, os estrategistas da oligarquia estão sem saber o que fazer com essa avião da VASP e pensam em trocar de aeronave. O problema é que o avião é muito pesado por causa 50 anos de defeitos e falhas dos comandantes e da tripulação: Sarney, Roseana, Jorge Murad, Ricardo Murad, Aloisio… Desse jeito, não tem avião que consiga voar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário