HORA CERTA

quarta-feira, 11 de dezembro de 2013

Base desesperada: Rigo e Milhomem trocam acusações no plenário da AL

Milhomem e rigoO péssimo desempenho do candidato do grupo Sarney, Luís Fernando Silva, está levando ao desespero os deputados da base do governo Roseana, que não mais se entendem e estão promovendo um espetáculo de baixaria na Assembleia Legislativa.
Na sessão desta quarta-feira, os deputado Rigo Teles e Carlos Alberto Milhomem partiram para as agresões verbais, com trocas de acusações pouco republicanas.
Tudo começou quando Rigo Teles resolveu criticar a gestão de Barra do Corda, onde o irmão de Milhomem, Aristides Milhomem é o vice-prefeito. Teles em reação a matéria publicada em um blog sobre relatório do TCU contra o ex-prefeito, Nenzim (seu pai) resolveu atacar o serviço de saúde no munícipio, onde segundo afirma, o que há são desmandos e malversação dos recursos públicos.
Milhomem não se fez de rogado e disse que não há apenas o relatório do TCU contra a administração passada. E aproveitou para soltar o verbo.
- O ex-prefeito esteve foragido por várias vezes para não ser preso, alguns da família dele foram recolhidos ao xadrez, e vem aqui um deputado querer enxovalhar um jovem prefeito que tem procurado evitar os desmandos que lá existiam ?
-  O pai, os irmãos, vários membros da família duas vezes procurados pela Polícia Federal e homiziados, e eu sei onde. Agora vem aqui dizer que são honestos.
No que Rigo lembrou a Milhomem que antigamente ele não pensava assim, quando ele era presidente da Assembleia e o convidou para ir ao Rio Grande do Sul, onde haveria um acerto para indicar o seu irmão na chapa patrocfinada por sua família. E que houve até um pedido a governadora Roseana Sarney para que ela facilitasse o acordo.
- Lá na casa de Roseana foi pedido para colocar o seu irmão Aristides Milhomem como vice na chapa de Nenzim. Foi feito um acordo na casa da senadora, na época Roseana Sarney. V.Exª me convidou e participou junto comigo, porque eu fui à viagem a convite de V. Exª e de lá telefonei para o Nenzim e assim aconteceu. Da mesma forma aconteceu no segundo mandato, de deixá-lo também como vice-prefeito da chapa do Nenzim.
– O Brasil tomou conhecimento do desvio de R$ 50 milhões da saúde – provocou Milhomem.
- No dia 1º de janeiro faz um ano da administração. Mostre o que o prefeito fez, mostre uma pedra que ele sentou naquele município, mostre um palmo quadrado de asfalto naquele município, mostre o que fez pela saúde do município, mostre os hospitais do município, mostre os postos de saúde do município, mostre o que já levou para o município a não ser uma máquina escavadeira que veio do Governo Federal através do PAC, a não ser uma patrol que veio do PAC, a não ser um caminhão-pipa que veio do PAC II, do governo Dilma. Mostre o que o poder municipal fez num ano de administração – desafiou Teles, que aproveitou para que todos possam ir ao município conhcer as obras realizadas pelo ex-prefeito.
-  Vocês querem que eu mostre o que o Nenzim fez em um ano? Vá a Barra do Corda conhecer a cidade. É a única cidade do Maranhão que tem uma escola pública com sessenta e tantas salas com elevador, onde pobre tem direito de andar de elevador.
- Mas, quem quiser conhecer, melhor ir à Polícia Federal – aconselhou Milhomem.
Blog Raimundo Garrone

Um comentário:

  1. Ai é merda e a bosta, esse deputadozinho não tem vergonha todo mundo sabe o que a família dele fez e é capaz de fazer, e que o Ex prefeito fez. Era obrigação dele mesmo fazer como prefeito q esse foi reeleito com vsrios titulos falso agora eu quero cet vc roubarem digital

    ResponderExcluir