HORA CERTA

segunda-feira, 28 de outubro de 2013

DIA 19 DE NOVEMBRO 2013 SHOW DO CANTOR GOSPEL FELIPÃO EM LAGOA GRANDE E COM A PRESENÇA DO PRÉ CANDIDATO A DEPUTADO PASTOR BEL

Foto: Pastor Bel leva Felipão a Santa Inês e região

Dupla Dinâmica: Pastor Bel e Felipão

http://www.carlinhosfilho.com.br/
NO DIA 19 DE NOVEMBRO GRANDE SHOW DO CANTOR GOSPEL FELIPÃO. O SHOW TAMBÉM VAI CONTAR COM A PRESENÇA DO PASTOR BEL DE LAGO DOS RODRIGUES - MA.
VEJA O TESTEMUNHO DO CANTO
“Sucesso não é sinônimo de felicidade”

O primeiro versículo de Provérbios 16 diz “O coração do homem pode fazer planos, mas a resposta certa dos lábios vem do Senhor”. Sonhos, projetos e muitas realizações. Estar entre os melhores cantores de forró do Brasil. Por que não? Este era apenas um dos desejos pelo qual Felipe Gurgel, que ficou conhecido como o Felipão da banda Forró Moral, trabalhava intensamente todos os dias. Vocalista de uma das principais bandas do ritmo nordestino, o cantor não fazia menos de 24 shows por mês. “Durante todo o tempo que estive no Forró Moral, me perguntava sempre se valeria a pena tudo aquilo. Mas, somente no forró Moral as dúvidas começaram a surgir. Porque comecei a pagar preços muito altos”, conta Felipe.
Músicas de sucesso, CDs e DVDs entre os mais vendidos não foram suficientes para que ele encontrasse a verdadeira felicidade. Sem desistir desta busca, seguia com sua carreira em ascensão. No entanto, sua vida pessoal declinava a medida que o sucesso crescia.“Com um ano de existência da banda, eu já estava exausto e, ao mesmo tempo, ‘preso’ aquela realidade. Perdi meus relacionamentos familiares, perdi amigos, casei e tive filhos, mas nunca era marido, nem pai! Tudo porque vivíamos 24 horas o sucesso. A banda tocava bastante! Eu não tinha mais tempo nenhum para fazer coisas comuns, como estar com a família, jogar uma bolinha, ir a um churrasco ou restaurante, e até mesmo ver e curtir minha nova família que era minha esposa e minhas duas filhas. Foi quando perdi o gosto por tudo aquilo que estava acontecendo. Enquanto estava sendo aclamado por muitos, meu pensamento era fugir, desaparecer, morrer”, comenta o cantor, que também foi apresentador de TV.
Felipe confessa que sempre achou que sucesso era sinônimo de felicidade. Mas, não demorou para que ele descobrisse que a realidade era bem diferente.  “Quanto mais sucesso fazia, mais vazio eu me sentia. Então comecei a beber exageradamente. A bebida era como um anestésico, que me deixava alegre nos momentos que eu estava mais angustiado.  Bebia dois, três dias seguidos! Não queria parar… Até cair em algum lugar”.
Entre bebedeiras e mal-entendidos, Felipe se encontrou no fundo do poço. “Não aguentei e cai chorando no quarto do hotel que estava, e ajoelhado comecei a pedir a Deus uma nova vida. Prometi que se ele me desse uma nova vida e me tirasse daquela realidade que eu não aguentava mais, eu nunca mais iria beber”, lembra o cantor, que tomou esta decisão em 2007 e desde então nunca mais bebeu. Felipe passou a buscar maisqualidade de vida e se aproximar da família, a esposa Yanna Gurgel e as filhas Letícia e Larissa.
| A RESPOSTA CERTA DE DEUS |
Cansado de tal vida, Felipe decide sair da banda Forró Moral e em março de 2008, decide – juntamente com a esposa – procurar uma igreja cristã. “Sentíamos que precisávamos de ajuda e sabíamos que só Deus poderia fazer algo. Atendendo ao convite de um pastor, que nunca tinha antes visto, conhecemos a Comunidade CristãVideira em Fortaleza. E lá tivemos um encontro com o Senhor e entregamos nossas vidas a Ele”, relata o cantor.
Porém entregar a vida a Cristo não significa que “seus problemas acabaram”. O certo é que se tem consciência de um Deus real que está sempre ao nosso lado, nos guiando e direcionando cada passo para um dia encontrarmos com Ele na eternidade. E ali não haverá dor, nem lágrimas… Nesta nova caminhada, desafios ainda maiores se apresentaram. “Posso até chamar os desafios de Gigantes! O primeiro foi continuar cantando forró sem o mínimo gosto por mais nada do meio. Sempre que definíamos que iríamos parar, Deus dizia: ‘Fica onde você está! Estou trabalhando em coisas que você não está vendo’. Largamos tudo em fevereiro de 2010. Estava num quarto de hotel no Carnaval, viajando ainda com a banda, quando Deus falou claramente comigo: chegou a hora.
Quando parei a banda no finalzinho de fevereiro, nós já tínhamos 14 pessoas convertidas dentro da banda. Era o que Deus estava fazendo e eu não enxergava”.O segundo grande desafio, segundo Felipe, foi largar tudo sem saber para onde ia. “Exatamente como Abraão! Sai da tua terra e da tua parentela… e vou para onde Senhor? Pra uma terra que eu te mostrarei! Foi totalmente na fé que deixamos a banda e o programa da TV. Só tínhamos no coração o direcionamento de gravar um CD Gospel. E Foi exatamente o que aconteceu”.
Em março de 2010, Felipe começou a gravação do CD “Felipão – O Novo Tempo”. E desde então Deus tem sido maravilhoso e fiel. O álbum, com apenas três meses de lançamento, alcançou a marca de10mil CDs vendidos, num trabalho que tem se concentrado praticamente aqui no Ceará. “Temos ido com calma. Não sinto o chamado para ser um Artista Gospel. Tenho tentado levar a verdadeira Adoração a Deus. A partir de outubro, estamos abrindo a agenda para o restante do Brasil, e já começaremos a estar em vários estados, levando a adoração, o testemunho e a palavra que Deus tem colocado no nosso coração”, adianta Felipe.
| PROJETOS DO CORAÇÃO DE DEUS |
Os próximos planos já estão em andamento! “Estamos preparando um CD do nosso testemunho, que estará nas lojas até novembro e no início de 2011, pretendemos gravar o nosso primeiro e grande  DVD. Estamos rabiscando este sonho e aguardando o direcionamento do Senhor”.
No dia a dia, Felipe realiza o projeto “Deus nas escolas”, que tem o objetivo de levar a palavra de Deus através da música e de palestras nas escolas públicas e também particulares de Fortaleza. Centros de recuperação e penitenciárias também recebem constantemente a visita do cantor cristão.
“A ideia que tem tirado meu sono! O Projeto de um Complexo de Evangelização e Desenvolvimento Humano. Este é coisa grande e só o Senhor pode nos ajudar.  Mas também já iniciamos, compramos o terreno e até o final do ano queremos estar com a maquete do prédio toda pronta para o início das obras”.
E este é só o começo de um novo tempo guiado pelo Espírito Santo com um só objetivo: “Adorar a Deus e resgatar as vidas perdidas”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário