HORA CERTA

sábado, 19 de outubro de 2013

Acusado de estupro rouba arma, mata policial e foge na BR-316


Armas apreendidas com Wagner Alexandre Almeida Araújo (Foto: Arquivo pessoal/Blog do Foguinho)

O policial civil de Pernambuco Sandro Joaquim Silva foi assassinado com um tiro nas costas na madrugada desta sexta-feira (18), na BR-316, em Valença, no Piauí, enquanto fazia a transferência de Wagner Alexandre Almeida Araújo, de 41 anos, preso no município de Chapadinha, MA, um dia antes. A informação foi confirmada pelo delegado Jairom Timbó.

Durante o translado, o detento surpreendeu os dois policiais que faziam a vigilância e tomou a arma de um deles. Em seguida, atirou. O outro policial civil, Wallace Ferreira, sofreu apenas ferimentos leves, pois o carro teria capotado durante a briga com Wagner. O acusado fugiu ainda algemado.

Também conhecido como Wagner Hilux, o homem natural de Garanhuns (PE), tinha um mandado expedido em maio do ano de 2012, pelo juiz de Direito da 2ª Vara de Execuções Penais de Recife, Gildenor Eudócio de Araújo Pires Júnior, pelo crime de estupro.  Ele foi preso em sua residência, localizada na Rua Boa Vista, Bairro Centro, em Chapadinha. No local, os policiais encontraram três armas de fogo, uma pistola 765, uma espingarda cartucheira e um revólver 38.

Wagner Alexandre foi conduzido à 3ª Delegacia Regional, onde foi autuado por porte ilegal de arma de fogo, pelo delegado Jorge Silva Mota Filho, titular do 1º DP de Chapadinha.

De acordo com informações da Secretaria de Segurança Pública do Maranhão, o criminoso também tinha uma propriedade no povoado de Baturitu, no município de Chapadinha (MA). Segundo informações policiais, Wagner havia dado entrada no processo de licenciamento de minério.


Do G1 MA.

Nenhum comentário:

Postar um comentário